Cura pelas Palavras

Cura pelas Palavras
Bem Vindo(a) !!

Quem sou eu

Minha foto
Brasilia, DF, Brazil
Psicanalista Graduada em História estudante de Direito fdiasadriana.blogspot.com

segunda-feira

Superando a perda (Luto)

Adicionar legenda

Todos nós passamos pelo luto, existe o momento de nascer e o momento de partir. Choramos quando perdemos alguém da família ou um amigo querido. Temos sentimentos, Deus nos fez assim, somos vulneráveis, sensíveis, a cada emoção.
Perder alguém não é fácil, trata-se lá no fundo de uma dor emocional. Pense bem, nos ligamos a alguém, colocamos algo de nós nessa pessoa, criamos um vínculo afetivo, passamos anos e anos com esse alguém e derrepente o perdemos, entramos então num processo de luto. Quanto mais amamos mais sentimos a perda! Sentir dor é algo natural e normal.
 Quando perdemos alguém precisamos aprender a aceitar essa perda.
Não podemos anular nossa dor, temos que senti-la por um determinado tempo. É Preciso expressar toda a nossa emoção, não adianta ficar reprimindo a dor no coração negando-se a chorar! Não tenha vergonha de expressar suas emoções.
A dor tem que ser respeitada, sentida e expressada.
 Não esconda as sensações, chore !Existe um momento para que essa dor seja vivida que se chama estar em luto.
Porém o momento de Luto acaba ele não pode ser eterno.
 Se o luto for intensificado e prolongado, a pessoa correrá o risco de ficar deprimida e isso pode levar a outros tipos de descontrole. A dor intensificada passa a ser uma dor patológica. (doentia) a pessoa passa a se apegar tanto a sua dor que é capaz de contrair insônia, culpa, se auto reprime ou se isola.
Por mais que a pessoa que se foi tenha sido boa neste mundo, ou por mais que ela tenha sofrido ao morrer, não podemos nos apegar ao luto para sempre.
A dor não é um estado, a dor é um processo!
   Deixe a dor se manifestar, aceite a perda e depois volte a vida em paz e alegria pois essa é a vontade de Deus.
Não fique sozinho
Ficar isolado não é bom, muitas pessoas ficam preocupadas, não querem chorar na frente dos outros p/ que os outros também não sofram.
Ninguém é um super herói, que tem que ser forte e agüentar sem desmoronar! Todos nós temos o direito de nos sentir vulneráveis.
Não se sinta culpado, quando se recuperar frente a uma perda, não se castigue, por voltar a viver e ser feliz.
“Não morra com a pessoa que morreu”
Deus deseja que você volte a viver, apesar da perda que teve não se anule continue  a crescer, a vida ainda faz sentido, se você está vivo ainda é capaz de criar e desfrutar a vida independentemente da idade. A Esperança estará contigo enquanto viver. Que Deus seja seu braço forte e sua força.Enfrente uma nova etapa em sua vida .Liberte-se da dor, das lembranças e do luto. A dor é única, e a única pessoa que poderá gerar uma mudança em você será você mesmo. Deus espera que você dê o primeiro passo para viver um futuro melhor.

fdias.adriana@gmail.com